-->

Postagens recentes

domingo, 17 de fevereiro de 2013

DELEGACIA DE SP REGISTRA B.O. DE ESTUPRO “POR PENSAMENTO”




Um boletim de ocorrência inusitado consta nos arquivos da Polícia Civil de São Paulo: uma mulher afirmou ter sido estuprada "por pensamento" por dois homens (kkkkkk). A ocorrência foi registrada na 3a Delegacia de Defesa da Mulher, na Zona Oeste da capital paulista. O caso ocorreu em 18 de maio de 2011 e vazou na Internet, repercutindo nas redes sociais (foto).

Segundo a denunciante, os dois homens "a forçavam a manter ato sexual com eles por pensamento". A mulher havia procurado a Polícia Federal, mas foi aconselhada a procurar o departamento de polícia especializado em crimes contra a mulher.
Na queixa, ela relata que os dois homens a forçam a manter relações sexuais contra a vontade dela. Segundo o depoimento, "nenhum deles é carinhoso" e a mulher afirmou sempre tomar anticoncepcionais "para não engravidar".

Os policiais registraram a queixa e encaminharam a mulher para realizar exames psicológicos. Não se sabe do resultado dos exames e onde a mulher se encontra atualmente. O boletim não gerou nenhum efeito e provavelmente foi registrado para preservar os acusados. (vi no Facebook e no G1 e no R7)

clique na foto para aumentar

Se você tem alguma dúvida, sugestão, opinião, reclamação ou simplesmente quer dizer oi, envie um email pararuimpracaramba@gmail.com

2 comentários:

  1. Busquem no google: o nome dessa lesada e que diz ter sido estuprada de forma telepática é MARIA HELENA GONZALES GESTOSO. Seus molestadores são Felix Russo e Paulo.

    O que falta ainda acontecer nesse Brasil, hein ...

    ResponderExcluir

Curtir

Total de visualizações de página esta semana: